sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Então...

O amor requer cuidados!!!

O amor... é como uma pequena semente que precisa de cuidados para que de origem a mais  bela planta. 

O amor é um sentimento que se demonstra, se vive, se cativa, se cultiva no outro.

Se você não alimentá-lo diariamente ele morrerá!!!!

Mantenha o amor vivo!!!!

sexta-feira, 2 de maio de 2014

Amar...

É um verbo...
 Pode indicar, entre outros processos:
AÇÃO 

Rimos muito, corremos, pulamos,
Queremos viver e viver cada vez mais.
Os olhos brilham com mais força...
Vemos com maior interesse...
Sentimos com mais intensidade...

ESTADO

Ficamos em êxtase...
Eterno contentamento...
Paixão imensa...

OCORRÊNCIA 

Nascem em nós todos os dias novas alegrias


DESEJO 

Querer ouvir a voz toda hora...
Querer ver o brilho dos olhos...
Querer sentir o toque suave da pele...
Querer chegar e não partir...
Querer ficar e ficar e nunca mais ir...
Querer, querer e querer...
E querer sempre, cada vez mais!!!!!


Amar...
nos faz ser outra gente!!!!
uma gente mais contente.



domingo, 23 de fevereiro de 2014

Estou pensativa....



Este ano o encontro nacional de mulheres está trazendo um tema muito especial..."Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todas as suas forças." Dt 6:5.
Tenho refletido muito sobre este mandamento, ame com todo o seu coração.
Quando vivemos este sentimento na integra fazemos uma entrega. Entregamos tudo o que somos, toda a nossa vida para amar alguém que as vezes nos conquistou com seu jeito de ser.
E então, como é amar a Deus de todo o nosso coração se Ele nos conquistou com um amor tão grande que se entregou à morte para nos comprar a vida?
Será que nossa forma humana de amar consegue realmente amar a Deus de todo o coração, com toda a alma e de todas as nossas forças.
Somos tão imprevisíveis. As vezes amamos enquanto nos sentimos felizes, enquanto nos sentimos queridos. A humanidade ama e deixa de amar com a mesma facilidade.
Amar a Deus de todo o coração é ama-lo sem reservas, independente das circunstâncias, sem razão. É ama-lo incondicionalmente com todo nosso ser. Empregar força para ama-lo é ama-lo mesmo quando nossa esperança ou fé estiverem abaladas.
Se formos capazes de amar a Deus desta forma... seremos capazes de amar o próximo como a nós mesmos.

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

A pescaria...


Meu esposo saiu com dois amigos para pescar!
Ah! Não, este não é o hobby dele de maneira nenhuma! kkk
Eles levaram todos os apetrechos que julgaram necessários para  uma grande pescaria. É claro que não faltaram os ingredientes para o famoso churrasquinho à beira do rio.
Lá pelas tantas apareceram “outros pescadores”. E conversa vai conversa vem, nossos aventureiros foram ficando sem graça em meio aos questionamentos daqueles homens. Que tipo de “trato” usaram para atrair os peixes? Que tipo de “iscas” estavam usando? E por ai vai.
Não demorou muito para perceberem que, embora pescadores de algumas horinhas de folga, não tinham o conhecimento, o acessório e a habilidade necessária para realizarem uma verdadeira pesca.
Os outros pescadores trouxeram tudo o  que lhes garantiria uma pesca com sucesso.
Bem, diante desta história toda fiquei imaginando nossa vida na relação conjugal.
É necessário termos e buscarmos conhecimento para desenvolvermos nossas habilidades a fim de alcançarmos sucesso. Ainda mais se tratando de dois indivíduos tão distintos quanto o homem e a mulher.
Posso garantir que tentar fazer com que esta relação tenha êxito baseado em achismos é quase que impossível que dê certo. Carecemos de orientação diária, acessórios certos, atitude de busca e compromisso. A bíblia é o  norte para desenvolvermos nossas habilidades de conviver. Também, podemos contar com casais que experimentam em suas vidas um relacionamento saudável.
Não estamos livres de transtornos no meio do caminho. Porém, se estivermos melhores preparados é possível que os danos sejam menores e o sucesso seja alcançado num prazo menor.
Vale a pena tentar!!!!
Abraços!!!

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Estar só...

Quem realmente aprecia a solidão!?!?!?!
É claro que existem momentos em que precisamos espairecer e, para isto procuramos um canto no qual possamos ficar sozinhos por um tempo.
Com a correria do dia a dia tenho apreciado estes momentos deitada na rede embaixo do pé de manga, lendo, tirando foto ou simplesmente observando a natureza ao redor.
No geral, no entanto, estou sempre acompanhada e não gosto de fazer nada sozinha.
Agora,  se tratando de ter ou não um relacionamento, por mais que prezemos nossos momentos de sintonia com o próprio eu, não gostamos de estar só.
É tão bom ter alguém ao nosso lado.
Alguém que nos abrace em momentos bons ou rins...
Que nos espere no final do dia...
Que nos dê a mão nos passeios por ai.
Para rir, conversar, estar junto, sonhar, lutar, acreditar...
Solidão só é bom quando a pessoa que está com você não te faz sentir especial.
Porque ter alguém que nos faça sentir a pessoa mais feliz da terra fala mais alto do que qualquer momento de solidão!!!

Abraços e um fim de semana muito abençoado!!!